Intervenção de carreira com jovens em situação de vulnerabilidade académica | Career intervention with youths in academic vulnerability situation

Bruna Rodrigues, Ana Daniela Silva, Sara Ferreira, Sílvia Amado Cordeiro, Maria do Céu Taveira

Resumo


A adolescência é uma etapa do desenvolvimento de carreira caraterizada pela exploração e pela iminência de decisões escolares, com impacto na construção dos projetos de vida dos jovens. Este estudo visou avaliar o impacto de uma intervenção de carreira junto de um grupo de jovens do 9.º ano de escolaridade (N=4), com trajetórias escolares de insucesso e pertencentes a baixos níveis socioeconómicos. A intervenção incluiu oito sessões semanais com os jovens, e quatro sessões com os respetivos encarregados de educação, com a duração máxima de 60 minutos. Participaram quatro rapazes, com idades compreendidas entre os 15 e 18 anos (M = 16.50, DP = 1.73). Avaliou-se o nível de certeza vocacional e a adaptabilidade de carreira dos jovens em dois momentos temporais. Recolheu-se feedback oral no final de cada sessão a fim de avaliar o processo de intervenção. Quer os jovens, quer os encarregados de educação, preencheram um questionário de avaliação global da intervenção. Registaram-se diferenças marginalmente significativas entre o pré e o pós-teste em todas as dimensões avaliadas, exceto ao nível da certeza vocacional e da confiança. Tanto os jovens como os respetivos encarregados de educação realizaram uma avaliação positiva da intervenção. Estes resultados sustentam o papel promissor desta intervenção, particularmente ao nível da promoção da adaptabilidade de carreira. Importa, porém, testar a eficácia deste programa, recorrendo a designs (quasi) experimentais. Este estudo salienta a importância de impulsionar a investigação científica sobre a eficácia de intervenções de carreira junto de grupos específicos de jovens.


Adolescence is a stage of career development characterized by the exploration and imminence of educational decisions, with an impact on the construction of youths’ life projects. This study aimed to evaluate the impact of a career intervention with a group of ninth-grade students (N=4) with unsuccessful school trajectories and from low socioeconomic status. The intervention included eight sessions with the youths, and four weekly sessions with the respective caregivers, with 90 minutes each. Four young men, aged between 15 and 18 years (M = 16.50, SD = 1.73) participated. The level of career certainty and the career adaptability of the students were assessed at two time points. Oral feedback was collected at the end of each session to evaluate the intervention process. Both youths and caregivers completed a questionnaire of global assessment of the intervention. There were marginally significant differences between pre and post-test in all career dimensions, except on the level of career certainty and confidence. Youths and their caretakers made a positive evaluation of the intervention. These results support the promising role of this intervention, particularly to promote career adaptability. It is important, however, to test the effectiveness of this program by using (quasi) experimental designs. This study highlights the relevance of expand scientific research on the effectiveness of career interventions with specific groups of youths.


Palavras-chave / Keywords

Intervenção de carreira, Jovens, Vulnerabilidade académica, Certeza vocacional, Adaptabilidade de carreira.

Career intervention, Youths, Academic vulnerability, Vocational certainty, Career adaptability.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica / Universidades Lusíada, 2004-2017
Serviços de Informação, Documentação e Internet
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 617 | Fax +351 213 638 307 | E-mail: revistas@lis.ulusiada.pt