Reabilitação do património, cidade do Porto estratégias e factos - Rua (S.ta Catarina) das Flores

Jorge Ferreira Barbosa

Resumo


A requalificação do património arquitetónico e histórico reveste-se de interesses fundamentais para a cultura de um povo, é sedimentado pelo tempo oferecendo extratos de memórias, vivências e registos sulcados no íntimo das pessoas que o habitam, marcados nas “crónicas de pedra” mencionadas por Viollet–Le-Duc, formam um contexto na realidade construída por épocas na Rua das Flores. No entendimento desta rua, quem esteve presente na estratificação do seu património, melhor sente a essência da cidade medieval, os seus atributos históricos, sociais, políticos, económicos e arquitetónicos, assim como, nos seus atribulados episódios de um passado próximo, ou atual, com as promessas de “melhor” futuro. Assim, é possível encontrar erros e virtudes nas lógicas implementadas neste cenário urbano medieval que faz questão de se impor intemporal, quer estar presente, ativo e,… com pessoas! Neste contexto, investigou-se o seu passado, entende-se a sua essência, lê-se e questiona-se o presente, propondo ajustes e tentativas de minimização da presença de “feridas abertas” que teimam em ferir o seu centro histórico, as suas memórias e o seu carácter. Tenta-se formar um pequeno contributo de consolidação da sua autenticidade para reabilitar um cenário histórico que tem muito para oferecer e do qual necessitamos.

 

The architectural and historical heritage requalification is a fundamental issue to the culture of the people, it is sedimented by the time offering memories, experiences and grooved feelings within the people who inhabit this sites marked in “Chronicles of rock” mentioned by Viollet-Le-Duc, they form an actual context built along the time in Rua das Flores. The understanding of this street and who was present in the past, help us to feel the essence of this medieval town, its historic, social, political, economic and architectural attributes, also, their troubled episodes of a past, or present, with promises of a “better” future. So it is possible to find errors and virtues in this medieval urban scenario implemented by logic that makes a point of stand up which wants to be present, timeless, and active,… with people! In this context, we investigated its past, understood its essence, read and wonder its present days, proposing adjustments and attempts to minimize the presence of several “open wounds” hell-bent on hurting its historic center, its memories and its character. We try to make a small contribution towards a consolidation of its authenticity in order to rehabilitate an historic scenario that has much to offer and which we need.

 

Palavras-chave / Keywords

Reabilitação; Património; Rua e Identidade urbana.

Rehabilitation; Heritage; Urban Street, Urban Identity.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica / Universidades Lusíada, 2004-2017
Serviços de Informação, Documentação e Internet
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 617 | Fax +351 213 638 307 | E-mail: revistas@lis.ulusiada.pt