Centralismo e anticentralismo no movimento constitucional em Espanha e Portugal

Ângelo Abrunhosa

Resumo


Em Espanha, só não foram centralistas a Constituição Republicana de 1931 ea Constituição de 1978, actualmente vigente. Em Portugal, apenas a Constituiçãode 1976 consagrou Regiões Autónomas (Madeira e Açores). No entanto, apesarde as ideias centralizadoras terem predominado durante mais tempo, foramas ideias políticas descentralizadoras que marcaram mais o rumo da históriaconstitucional espanhola e portuguesa.

 

In Spain, only were not centralist the Republican Constitution of 1931 andthe Constitution of 1978, currently in force. In Portugal, only the Constitution of1976 enshrined the Autonomous Regions (Madeira and the Azores). However,despite the centralizing ideas have prevailed for longer, were the descentralizingpolitical ideas that marked the course of most Spanish and Portugueseconstitutional history.

 

Palavras-chave / Keywords

Centralismo, Anticentralismo, Constitucionalismo, Espanha, Portugal.

Centralism, Anticentralism, Constitucionalism, Spain, Portugal.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica / Universidades Lusíada, 2004-2017
Serviços de Informação, Documentação e Internet
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 617 | Fax +351 213 638 307 | E-mail: revistas@lis.ulusiada.pt | skype | chat