O comércio externo no contexto das relações internacionais. Os mercadores europeus em Portugal nos séculos XIV-XV

Autores

  • Joel Silva Ferreira Mata
  • Fausto Ferreira

Resumo

Ao longo dos séculos XIV e XV o comércio internacional estabelecido entre Portugal e os povos europeus nomeadamente da Flandres, Alemanha, Aragão, Castela, Milão, Inglaterra, Palença constitui um bom indicador das relações económicas, entre regiões com características individualizadas que se transformam em relações internacionais pelo seu contributo na aproximação de culturas e de economias, criando eixos de navegação seguros pelo afastamento de eventuais focos de beligerância, embora o corso e a pirataria exigissem uma vigilância permanente, requerendo dos comerciantes e monarcas firmeza e tenacidade para evitar a perda de embarcações e da sua carga. A fixação dos agentes económicos e da sua proteção criam relações privilegiadas com a corte.

Palavras-chave:

Comércio externo, Europa, Mercadores, Vida familiar

Biografias Autor

Joel Silva Ferreira Mata

  • Investigador Doutorado Integrado do CEJEA (Centro de Estudos Jurídicos, Económicos e Ambientais), da Universidade Lusíada.
  • Investigador Colaborador do CEPESE (Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade), da Faculdade de Letras da Universidade do Porto

Fausto Ferreira

  • Investigador Doutorado Integrado do CEJEA (Centro de Estudos Jurídicos, Económicos e Ambientais)
  • Investigador Colaborador do CLIPIS (Centro Lusíada de Investigação em Política Internacional e Segurança)

Referências

AMADO, Teresa – «Contexto europeu da Lisboa de Fernão Lopes». In A Nova Lisboa Medieval. Lisboa: Edições Colibri, 2005, pp.98-

BARROS, Henrique da Gama – História da Administração Pública em Portugal nos séculos XII a XV, Vol. X. Lisboa: Livraria Sá da Costa- Editora, 1950.

CAVACO, Hugo – “Visitações” da Ordem de Santiago no Sotavento Algarvio. (Subsídios para o estudo da História da Arte do Algarve). Vila Real de Santo António, MCMLVII.

CIPOLLA, Carlo M. – História Económica da Europa pré-industrial. Lisboa: Edições 70, 1984.

FOURQUIN, Guy – História Económica do Ocidente Medieval. Lisboa: Edições 70, 1981.

GONÇALVES, Iria – «Aspectos económico-sociais da Lisboa do século XV estudados a partir da propriedade régia». In Um Olhar sobre a cidade medieval. Cascais: Patrimonia Histórica, 1996, pp.19-

LE GOFF, Jacques – Mercadores e banqueiros da Idade Média. Lisboa: Gradiva, 1984.

LOPES, Fernão – Crónica de D. Fernando, 2ª edição, revista. Edição Crítica, introdução e índices de Giuliano Marcchi. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 2004, [prologo].

MARQUES, A. H. de Oliveira – Nova História de Portugal. Portugal na crise dos séculos XIV e XV, Vol. IV, dir. Joel Serrão e A. H. de Oliveira Marques. Lisboa: Editorial Estampa, 1987.

MARQUES, A. H. de Oliveira – Hansa e Portugal na Idade Média. Lisboa: Editorial Presença, 1990.

MATA, Joel Silva Ferreira – «Uma reflexão sobre os cavaleiros mortos na tomada de Tavira, por D. Paio Peres Correia». In A Guerra e a sociedade da Idade Média. Atas das VI Jornadas Luso-Espanholas de Estudos Medievais, Vol. II. CIBA, 2009, pp.331-336.

MATA, Joel Silva Ferreira – A Comunidade feminina da Ordem de Santiago: a comenda de Santos na Idade Média. Lisboa: Universidade Lusíada Editora, 2016.

PEREIRA, Maria Teresa Lopes – Alcácer do Sal na Idade Média. Lisboa: Edições Colibri/Câmara Municipal de Alcácer do Sal, 2000.

PIRENNE, Henri – As Cidades da Idade Média. Mem Martins: Publicações Europa-América, 1989.

«Relações Internacionais». In Dicionário de Relações Internacionais, 3ª edição, coord. Fernando de Sousa e Pedro Mendes. Porto: Edições Afrontamento,2008, pp.207.208.

«Relações Internacionais e Economia Política». In Dicionário de Relações Internacionais, 3ª edição, coord. Fernando de Sousa e Pedro Mendes. Porto: Edições Afrontamento, 2008, p.210.

Downloads

Publicado

2019-01-04

Como Citar

Mata, J. S. F., & Ferreira, F. (2019). O comércio externo no contexto das relações internacionais. Os mercadores europeus em Portugal nos séculos XIV-XV. Lusíada. Política Internacional E Segurança, (16), 77–91. Obtido de http://revistas.lis.ulusiada.pt/index.php/lpis/article/view/2618

Edição

Secção

Artigos