Os contornos sócio-económicos e securitários da petrodependência dos Estados – o caso de Angola

Manuel Agostinho Barros

Resumo


A desvalorição do preço do petróleo a partir de 2014 trouxe uma série de problemas sócio-económicos para os petroestados, de forma particular Angola, que associado aos riscos ambientais subjacentes à indústria petrolífera exige uma nova actuação dos Estados. É neste sentido que o presente artigo assente numa abordagem analítica, ao examinar os possíveis contornos sócioeconómicos e securitários, ao mesmo tempo que propõe soluções alternativas, procura elevar o nível de consciencialização e de urgência tanto para os actores governamentais como privados sobre a necessidade de reduzir gradualmente a dependência do sector petrolífero através da diversificação da economia.

The falling of oil price since 2014 brought a number of socioeconomic problems to petro – states, particularly Angola, that associated with environmental risks underlying the oil industry requires new action by the States. That´s why this article based on an analytical approach to examine the possible economic and security implications, while proposing alternative solutions, aims to raise the level of awareness and the sense of urgency for both government and private actors on the need to gradually reduce dependence on oil sector by diversifying the economy.


Palavras-chave / Keywords

Petróleo, Dependência, Economia e diversificação.

Oil, Dependence, Economy and diversification.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica / Universidades Lusíada, 2004-2018
Serviços de Informação, Documentação e Internet
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 617 | Fax +351 213 638 307 | E-mail: revistas@lis.ulusiada.pt