22 anos depois: o que aconteceu à teoria do “choque de civilizações” de Samuel Huntington?

Francisco Ramos da Cruz

Resumo


Após a deceção com as enganadoras esperanças de paz saídas do final da Guerra Fria, várias teorias se perfilaram para explicar por que razão a conflitualidade global, em vez de diminuir, aumentou. Entre essas teorias, uma das mais célebres é a do «choque de civilizações», enunciada por Samuel Huntington.

Este estudo analisa a génese e o desenvolvimento das ideias de Huntington e argumenta pela existência de uma base racial da sua teoria determinista das civilizações, inserindo-a na longa «história do Outro».

Comprova também a falência das suas teses na situação política global do momento presente.


The clash of civilizations by Samuel Huntington - Still actual or outdated?


Palavras-Chave / Keywords

Guerra fria,Choque de civilizações,Samuel Huntington,Eurocentrismo,Islamismo.

Cold War,Clash of civilizations,Huntington,Eurocentrism,Islamism.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica / Universidades Lusíada, 2004-2017
Serviços de Informação, Documentação e Internet
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 617 | Fax +351 213 638 307 | E-mail: revistas@lis.ulusiada.pt