O processo de fusão na administração pública portuguesa: papel central dos líderes intermédios na concepção e comunicação do projecto

Autores

  • Albino Anjos Lopes Professor Associado corn Agregação do ISCTE
  • Damasceno Dias Doutor em Gestao pelo ISCTE
  • Pedro Perreira Doutor em Gestao pelo ISCTE

Resumo

Na era da competição global, a necessidade de agilização e flexibilização organizacional emerge como pilar importante dos processos de mudança.

A Administração Pública não escapa a esta corrente transformacional, sendo os movimentos de fusão, uma das forças impulsionadoras dessa mesma dinâmica.

O presente trabalho pretende dar conta de quatro estudos realizados em duas instituições da Administração Pública em fusão, uma com regime laboral público e outra, privado, os quais visavam analisar a cultura e a liderança intermédia com base na metodologia de Investigação-Ação e de Estudo de Caso.

O primeiro, descritivo, analisa o diagnóstico apresentado por uma empresa de consultoria, cujos resultados parecem apontar para o fenómeno "groupthink", ou seja, o relatório reforçava as expectativas da Administração. O segundo, quantitativo, analisa o clima organizacional após a aferição das propriedades psicométricas dos instrumentos, tendo revelado uma proximidade cultural, apesar das práticas de gestão diferenciadas e destaca o papel das lideranças intermédias como agentes facilitadores de mudança, elos de ligação entre o topo e a base. O terceiro, qualitativo, interpreta os resultados obtidos nas entrevistas aos líderes, mostrando que o processo, a partida, não tinha objetores convictos, e se clivagens houve, seria pela condução do processo e não por uma opção a partida. O quarto narra os episódios mais marcantes da fusão, tendo por base as diferentes perspetivas de abordagem e revela que o projeto foi perdendo sentido para se resumir a uma mera mudança por decreta. E discutida a questão do "choque de culturas" como sintoma e não como causa dos fracassos, destacando-se a necessidade de um projeto nascido a partir do todo em processo de fusão.

Palavras-chave:

Administração pública, Fusões, Mudança organizacional, Liderança intermédia, Narrativas organizacionais

Downloads

Publicado

09-05-2014

Como Citar

Lopes, A. A., Dias, D., & Perreira, P. (2014). O processo de fusão na administração pública portuguesa: papel central dos líderes intermédios na concepção e comunicação do projecto. Lusíada. Economia E Empresa, (11), 95–122. Obtido de http://revistas.lis.ulusiada.pt/index.php/lee/article/view/894

Edição

Secção

Dissertações e teses