ReacT-MDD: rastreabilidade reactiva de artefactos no desenvolvimento de sistema de informação

Marco Costa, Alberto Rodrigues da Silva

Resumo


A aproximação emergente MDD (Model Driven Development) preconiza o desenvolvimento de código a partir de modelos descritos pela linguagem UML ou seus dialectos. São necessários mecanismos que permitam a rastreabilidade entre os modelos criados, a vários níveis conceptuais, e o código gerado. Os modelos podem ser explicitados por diferentes diagramas, com possíveis relações entre si. Apesar de já existirem algumas ferramentas que realizam a sincronização entre código e modelos, em pequena escala, são porém uma tecnologia proprietária e fechada ao utilizador. Propõe-se neste trabalho um modelo teórico para a rastreabilidade reactiva, consubstanciado pela Framework ReacT-MDD.

 

Palavras-chave: MDD, UML, Rastreabilidade.

The MDD (Model Driven Development) approach, favors the development of code starting at models, eventually described by the UML language. Not only the produced code, but also the remaining artifacts are part  of the solution, at the development, operation and maintenance stages. Models may be defined by diagrams, with different relations between them. There are already some tools that achieve some kind of synchronization between code and models, in small scale, but this is not the main focus of this kind of tools. In this research paper, we propose a mechanism that allows traceability between all artifacts during all project stages, not regarding its conceptual level. The ReacTMDD framework is a contribution to link all kinds of artifacts in the application development context.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica | Universidades Lusíada, 2004-2019
Universidade Lusíada Editora
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 561 | Fax +351 638 307 | E-mail: revistas@lis.ulusiada.pt