Marketing cultural: posicionamento dos museus públicos e privados portugueses referenciável pela audiência

Josiane Viana de Oliveira Lima, Fernando Gaspar

Resumo


As ferramentas de marketing cultural têm como desiderato essencial, a construção de uma estratégia de posicionamento e logo a criação de uma imagem. Quando esta correlação inexiste, o museu corre o risco de obter um posicionamento real distinto do ambicionado. O propósito deste artigo é percepcionar se o posicionamento desejado de alguns museus Portugueses, privados e públicos, é equivalente com o posicionamento percetível pelo público. O estudo foi realizado por meio de inquéritos à respectiva audiência, na zona metropolitana de Lisboa em Maio de 2011. Observou-se que o posicionamento ambicionado dos museus privados e públicos, apresentou uma correspondente perceção por parte do público visitante.

 

The cultural marketing tools present as a fundamental goal the building of a positioning strategy and therefore the creation of an image. When this correlation is inexistent, chances are that the museum reflects a different positioning from the one expected. This essay goal is to perceive if the expected positioning of some Portuguese museums, both public and private, is in equivalence with the public perceived positioning. The study was constructed throughout a Lisbon Metropolitan area random survey in May 2011. We have observed that both private and public museums desired positioning, presented an equivalent perception by the general public.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Fundação Minerva - Cultura - Ensino e Investigação Científica | Universidades Lusíada, 2004-2020
Universidade Lusíada Editora
Rua da Junqueira, 188-198 | 1349-001 Lisboa | Tel. +351 213 611 561 | Fax +351 638 307 | E-mail: revistas@lis.ulusiada.pt