Ponto de encontro familiar - a Intervenção Social no conflito parental

Autores

  • Tânia Martins
  • Visitação Monteiro
  • Fátima Xarepe

Resumo

Com esta apresentação pretende-se dar a conhecer a intervenção social no âmbito do Ponto de Encontro Familiar, doravante designado por PEF. Os PEF são espaços psicoterapêuticos que permitem a filhos de pais separados/divorciados, em conflito parental, a reaproximação da criança com o progenitor não residente. Exige uma intervenção multidisciplinar, centrada na criança e na conciliação parental.

Palavras-chave:

Conflito Parental, Criança, Ponto de Encontro Familiar

Referências

Mateus, F., Monteiro, V., & Xarepe, F. (2017). Ponto de Encontro Familiar: Reconstrução de Vínculos Parentais. Em F. Xarepe, I. F. Costa, & M. d. Morgado, O Risco e o Perigo na Criança e na Família. Lisboa: Pactor.

Jorge A. (2011). Divórcio e Responsabilidades Parentais: Padrões de Género nos contextos sociofamiliares e nas decisões judiciais. Universidade do Minho.

Sampaio D. (2014). O Tribunal é o Réu. As questões do Divorcio. Lisboa. Editorial Caminho.

Xarepe, F., Costa, I. e Morgado, M. (2017) O Risco e o Perigo na Criança e na Família. Editora Pactor.

Lei 147/99 de 1 de Setembro e Lei 142/2015, segunda alteração à Lei de Proteção de crianças e Jovens Lei 141 - Novo Regime Geral do Processo Tutelar Cível.

Lei 112/2009 de Setembro Lei 24/2017 de 24 de Maio Portaria 139/2013 de 2 Abril.ww

Publicado

2019-12-16

Como Citar

Martins, T., Monteiro, V., & Xarepe, F. (2019). Ponto de encontro familiar - a Intervenção Social no conflito parental. Intervenção Social, (53-54), 169–181. Obtido de http://revistas.lis.ulusiada.pt/index.php/is/article/view/2918

Edição

Secção

Artigos