A prática profissional do Serviço Social no tratamento para HIV/AIDS no Brasil

Autores

  • Viviane Azevedo

Resumo

Este artigo discute as atuais tendências no tratamento da AIDS (SIDA) relacionando-as às mudanças atuais na sociedade capitalista, partindo de uma perspectiva teórico-metodológica crítica. Para tanto, recuperamos a trajetória da Epidemia de HIV/AIDS no Brasil, em especial a partir da década de 1990, a fim de analisar o seu enfrentamento considerando: os aspectos históricos que envolvem a problemática da AIDS, a história da doença e suas particularidades brasileiras e as políticas públicas desenvolvidas na área; as lutas sociais que envolvem os diversos sujeitos coletivos intervenientes no campo; e a análise crítica de alguns determinantes econômicos, políticos, culturais e sociais envolvidos. Por fim, buscamos situar o Serviço Social no contexto da política social e analisar o trabalho profissional no âmbito institucional na área.

Palavras-chave:

Saúde, HIV/AIDS, Instituto de Serviço Social

Downloads

Publicado

2016-08-29

Como Citar

Azevedo, V. (2016). A prática profissional do Serviço Social no tratamento para HIV/AIDS no Brasil. Intervenção Social, (46), 41–56. Obtido de http://revistas.lis.ulusiada.pt/index.php/is/article/view/2356

Edição

Secção

Artigos