Ideologias e Intervenção Social no Estado Novo

Autores

  • Joaquim Croca Caeiro

Resumo

1. A ruptura com a ordem tradicionalista; 2. As ideologias da reacção; 2.1. A base da contestação: Jean Jacques Rousseau; 2.2. A reacção d Revolução: Joseph de Maistre; 2.3. A reacção ao liberalismo e à revolução francesa: F. Hegel; 2.4. A nação do contexto da reacção: Ernest Renan; 2.5. 0 diatermismo da reacção: Hipolyte Taine; 2.6. O nacionalismo da reacção: Maurice Barres; 3. A Igreja Católica e a Reacção: justiça social e bem comum; 3.1. A Encíclica Rerum Novarum: a contestação ao liberalismo e as doutrinas revolucionarias; 4. A intervenção social no Estado Novo: a Previdência Social e a legislação do trabalho; 4.1. A organização superior do Estado: Constituição Política de 1933; 4.2. A solução para a estabilidade social: O Estatuto do Trabalho Nacional; 4.3. A legitimação do regime. a politica social.

Downloads

Publicado

2014-06-26

Como Citar

Caeiro, J. C. (2014). Ideologias e Intervenção Social no Estado Novo. Intervenção Social, (32/34), 73–104. Obtido de http://revistas.lis.ulusiada.pt/index.php/is/article/view/1446

Edição

Secção

Comunicações