A cooperação entre profissionais e voluntários: a experiência do Quebeque

Autores

  • Suzie Robichaud

Resumo

No Quebeque, a ajuda e socorro ao outro não e mais unicamente o apanágio das instituições públicas. Os voluntários são solicitados e encorajados a participar plenamente na distribuição dos serviços sociais. A presente reflexão procura aprender o contexto em que e exercido o voluntariado e a descrever como as instituições e os grupos de voluntários se percepcionam no âmbito da relação de ajuda. Assim, este artigo, vai articular dois polos. Num primeiro tempo, procurar- se analisar como os responsáveis dos grupos de voluntários e os seus membros vivem a colaboração que e estabelecida entre eles e as instituições publicas. Num segundo tempo, trata-se de observar atentamente o olhar dos interventores sociais sabre a participação dos voluntários nas actividades quotidianas de prestação de serviços sociais. Percepção esta que e reveladora de uma situação ao mesmo tempo clara e complexa.

Palavras-chave:

Voluntariado

Downloads

Publicado

2014-05-29

Como Citar

Robichaud, S. (2014). A cooperação entre profissionais e voluntários: a experiência do Quebeque. Intervenção Social, (25/26), 185–192. Obtido de http://revistas.lis.ulusiada.pt/index.php/is/article/view/1050

Edição

Secção

Dossier - Voluntariado Social - Perspectivas e Práticas