Génese, emergência e institucionalização do serviço social no Instituto Português de Oncologia

Autores

  • Maria Aurora Matias

Resumo

Nesta comunicação apresenta-se uma síntese da tese de mestrado, realizada no âmbito da história da profissão, num sector específico de actuação, o da Saúde, na área da Oncologia, numa instituição concreta, o Instituto Português de Oncologia, que no período temporal considerado pela pesquisa, dispunha apenas do Centro de Lisboa, onde eram assistidos os doentes oncológicos de todo o país.

Downloads

Publicado

2014-05-28

Como Citar

Matias, M. A. (2014). Génese, emergência e institucionalização do serviço social no Instituto Português de Oncologia. Intervenção Social, (23/24), 53–62. Obtido de http://revistas.lis.ulusiada.pt/index.php/is/article/view/1016

Edição

Secção

Actas do Seminário Serviço Social: a acção e os saberes